20200905_NATURAPROJECOES_IBIRA_3779.jpg

queimadas

2020

  • Preto Ícone Instagram

No dia 05 de setembro, “Dia da Amazônia”, o Parque Ibirapuera ardeu virtualmente em chamas, mimetizando a sensação de queimadas para perto de quem acompanhava a intervenção com macro projeções mapeadas sobre um grande conjunto de árvores no Parque Ibirapuera. As queimadas nas florestas brasileiras, principalmente na Amazônia, são as grandes responsáveis pelas drásticas mudanças climáticas que vêm ocorrendo nos últimos anos, e isso afeta a vida na terra de forma determinante. Trazer as queimadas para perto, é trazer para o pensamento o que estamos fazendo para tentar mudar essa realidade.

 

A intervenção também realizou projeções de diferentes árvores nativas da Amazônia em edifícios de vários bairros de São Paulo, como na rua da Consolação (Centro), rua Souza Reis (Butantã), rua dos Timbiras (Centro), Avenida Rio Branco (Centro), rua Santa Isabel (Vila Buarque), rua Maria Antônia (Higienópolis) e rua Rêgo Freitas (Centro).

Entre as árvores projetadas estão o Buriti, que pode ter de 20 a 35 metros de altura, a Samaumeira, a Andiroba e o Açaí.

 

Projeto realizado a convite da Natura.

 
On_Natura_PHBiaFerrer-2.jpg
On_Natura_PHBiaFerrer-13.jpg
On_Natura_PHBiaFerrer-118.jpg
On_Natura_PHBiaFerrer-76.jpg